Clara Averbuck realiza oficina de escrita criativa exclusiva para mulheres

Crédito: Divulgação

Em um mundo onde homens são incentivados desde cedo a falar o que pensam e pontuar suas opiniões, tomando muitas vezes para si o protagonismo de um fato, é natural que muitas mulheres se sintam inseguras e desencorajadas de colocar no papel o que pensam e sentem. As editoras recebem três vezes menos originais de livros escritos por mulheres do que por homens e não é porque as mulheres escrevem menos, mas porque muitas desistem de enviar seus escritos para serem publicados. Pensando nisso, a escritora Clara Averbuck iniciou em 2015 uma oficina de escrita criativa exclusiva para mulheres.

E agora é a vez da Casa Plana, localizada no Centro de São Paulo, abrir as portas para receber a Clara com sua oficina de escrita criativa e muitas mulheres que gostam de escrever e querem exercitar seu dom. Pode ter publicado ou não, pode ser profissional ou não, pode ser super desinibida ou morrer de vergonha. O que importa é a vontade de escrever, produzir, destravar. A oficina acontece nos dias 3 e 4 de novembro.

Clara Averbuck é escritora com sete livros publicados. A popularidade de seus escritos chamou a atenção de diretores importantes do teatro e do cinema. “Máquina de Pinball”seu primeiro livro, ganhou adaptação para o teatro, roteirizado por Antônio Abujamra e Alan Castelo, em 2003. Este e outros dois livros também inspiraram o diretor cinematográfico Murilo Salles que produziu o filme Nome Próprio, em 2006/2007, com Leandra Leal no papel principal. Feminista é uma das editoras de um dos principais sites no Brasil sobre o tema, o Lugar de Mulher.

A oficina tem início às 19h30 e duração de três horas. O valor é R$500. A Casa Plana fica na rua Capitão Salomão, nº 26, 3ºandar, Centro. Para mais informações acesse http://www.casaplana.org/escrita-criativa.